PROGRAMA DE RESIDÊNCIAS DO FORUM DANÇA

Um dos objectivos do Forum Dança é o apoio a residências de acordo com linhas programáticas enquadradas pela sua direcção artística. Dirigido a artistas emergentes, o Programa de Residências inclui-se nas acções do projecto Núcleo-Curadoria e Performance proporcionando um período de experimentação e de investigação pela acção, articulando a criação com a transmissão à comunidade artística.

Este programa apoiará 2 projectos de criação na área da dança ou performance e oferece estúdio de ensaios e acompanhamento das apresentações informais públicas.

Residência I | 3 – 16 Julho no Núcleo. Mostra informal dia 12 Julho.
Residência II | 17 – 30 Julho no Núcleo. Mostra informal dia 27 Julho.

Projectos selecionados:
Residência 1: “Mapas Intensivos” de Sara Anjo
Residência 2: “ensaio nu enlace entre pensamentos” de Catarina Real


_____________________________________

RESIDENCIES PROGRAM 2017

One of the objectives of Forum Dança is the support to residences according to the programmatic lines framed by its artistic direction. Aimed at emerging artists, the Residency Program is included in the project Núcleo - Curatorship and Performance, providing a period of experimentation and research through action, articulating creation with transmission to the artistic community.

This program will support 2 projects of creation in the area of dance or performance and offers studio and follow-up of the public informal presentations.

Residency I | 3 – 16 July in Núcleo. Informal presentation 12nd July
Residency II | 17 – 30 July no Núcleo. Informal presentation 27th July

Selected projects:
Residency 1: "Intensive Maps" by Sara Anjo
Residency 2: "essay on the link between thoughts" by Catarina Real

 

Foto: Ana Luísa Valdeira


WORKSHOP com SARA ANJO

12 JULHO 2017
15h às 17h30

Número limite: 15 pessoas
Entrada livre, mediante pré-inscrição para forumdanca@forumdanca.pt


Com este workshop, Sara Anjo partilha o seu processo de trabalho de Mapas Intensivos, desenvolvido durante a Residência Artística no Forum Dança/Núcleo.
O workshop dirige-se a estudantes do ensino secundário ou superior do ensino artístico, artistas profissionais, professores de artes, interessados e curiosos por práticas de dança e coreografia.

Mapas Intensivos é um evento performativo, que propõem para está sessão/workshop activar múltiplos campos de experiência através de um percurso coreografado. Este evento convida, assim, os participantes a co-habitar um espaço de encontros que transita por diferentes zonas e territórios, num movimento navegante, que tanto mantêm uma direcção como também deriva. Ao longo do percurso coreografado é feito um mapeamento do espaço, uma cartografia do momento, que tem por objectivo activar a comunidade ali formada pelos participantes através da sua vivência do lugar. Esse lugar procura ser de convivialidade e está preocupado com o potencial que cada participante trás, com a identidade e diferença de cada um.
Nesta sessão serão ainda trabalhadas estéticas de relação e subjectivização, ou seja, procura que a presença dos participantes contribuam significativamente para a forma e a força do trabalho, questionando desta forma a arte como lugar de elo e ligação.

Sara Anjo


Sara Anjo (1982, PT) nasceu na ilha da Madeira, uma ilha perto de África situada numas das extremidades da Europa. A sua experiência de estar rodeada pelo o horizonte amplo do mar, gerou-lhe curiosidade pelo desconhecido e a necessidade de procurar outras realidades. Dançar, improvisar, coreografar, é onde sente realizada essa procura e onde atinge um lugar mais profundo de consciência sobre o mundo, os outros e de si própria. É também onde consegue expandir, contaminar e polonizar as suas ideias em colaborações com outras expressões artísticas.

Na adolescência foi viver para Lisboa e formou-se em dança pela Academia de Dança Contemporânea (2001). Logo a seguir estagiou na Companhia Nacional de Bailado, e começou a praticar yoga, que se tornou a sua "dança" nos seguintes quatro anos. Ao mesmo tempo manteve-se a estudar artes e fez dois cursos teóricos: uma licenciatura de Estudos Artísticos na Faculdade de Letras de Lisboa (2008) e uma pós-graduação em Arte Contemporânea pela Universidade Católica de Lisboa (2011). Conheceu e estudou com Anna Halprin, em 2010, uma das suas maiores inspirações no campo da dança.

Recentemente terminou o mestrado Das Choreography Master em Amesterdão.

Sara trabalhou com coreógrafos residentes em Portugal como Rui Horta, Clara Andermatt, Teresa Ranieri, entre outros. Dessa experiência sublinha a sua colaboração desde 2009, com o Grupo Dançando com a Diferença, um grupo de dança inclusiva que trabalha com deficiência. Relacionado com o seu trabalho na dança inclusiva foi editado, em 2010, um livro da sua autoria chamado Espontâneos. Trabalhar com "outras eficiências" foi uma experiência incontornável para a sua visão sobre as idiossincrasias do corpo e do movimento contemporâneo.

Curiosa acerca do universo da coreografia e da criação, particularmente através das colaborações, dirigiu o projecto de dança/performance Ninguém Sabia Contar Aquela História (2011), em conjunto com 6 mulheres artistas. Em 2014 colaborou no projecto "Raízes da Curiosidade" um encontro entre neurocientistas e artistas (Fábrica das Artes - CCB). Em 2016 trabalhou em colaboração com o pianista Filipe Raposo, na peça Tudo no Mundo Começou com um Sim (Fábrica das Artes - CCB) e um solo Em Forma de Árvore (Negócio-ZDB).